pessoa_feliz

10 dicas científicas para um dia-a-dia mais feliz (a #10 é fácil, fácil)

Compartilhe este artigo:

Talvez você não saiba, mas a cada ano, muitos pesquisadores dedicam-se ao estudo das razões que tornam uma pessoa mais feliz.

Seguem dez descobertas científicas sobre a felicidade para você aplicar imediatamente em sua vida. Bora ser feliz!

1. Chega de papo furado! Fale sobre o que realmente importa.
As pesquisas demonstram primeiramente que pessoas felizes procuram falar com outras pessoas. Ao contrário, as pessoas menos felizes se isolam.

Outra descoberta é que as pessoas felizes conversam (=falam e escutam) sobre assuntos relevantes para a sua vida e para a vida de seus interlocutores.

2. Tenha ao menos 5 amigos com quem você possa discutir seus problemas.
Essa descoberta é quase um repeteco da primeira. Algumas pesquisas encontraram um denominador comum no grupo das pessoas que se declaram ”muito felizes”.

É o fato de essas pessoas terem 5 ou mais amigos com quem elas podem discutir seus problemas. Quanto mais amigos de confiança temos para conversar e desabafar, mais felizes somos!

Lembre-se: para fazer amigos, SEJA amigo: dedique tempo às suas amizades, interesse-se genuinamente, escute o dobro do que você fala e seja útil.

3. Dê apoio quando preciso. Celebre sempre.
Casais felizes se diferenciam não só pela maneira com que os parceiros respondem aos reveses e perdas sofridos pelo outro, mas também pela maneira com que intensamente e genuinamente celebram as pequenas e grandes conquistas e vitórias do outro.

Agenda para sonhos
4. Ponha por escrito seus sonhos.
Pessoas muito felizes tiram alguns momentos por dia para escrever em alguma forma de diário sobre seus sonhos e expectativas futuras (por exemplo, onde estará em 1 ano, como chegará lá e como será bom estar lá).

Assim, o planejamento, a expectativa, a antecipação futura trazem a felicidade para o momento presente e facilitam o caminho para chegar lá.

5. Gratidão diária.
As pessoas felizes são gratas pelas coisas boas da vida, não importa quão pequenas ou grandes essas coisas possam parecer.

Não deixe de ler meu artigo “Gratidão: no mínimo uma dose por dia” para dicas úteis sobre como ser grato.

6. Saiba onde encontrar felicidade quando preciso
Onde as pessoas costumam buscar felicidade quando precisam?

Nesse caso, não é surpresa o que as pesquisas revelaram. As pessoas buscam aumentar seu nível de felicidade através do sexo, realizando exercícios físicos ou socializando com amigos e familiares.

O nível de felicidade aumenta também quando a nossa mente está focada no aqui-agora, isto é, sem ficar voltando ao passado e nem se preocupando além da conta com o futuro..

Seu nível de felicidade diminui durante o percurso de ida e volta do trabalho para casa, local de estudo etc. Também cai quando a mente vagueia sem foco.

grupo feliz
7. Junte-se a um grupo
Uma pesquisa realizada com dados de 91 países demonstrou que a Dinamarca é o país mais feliz.

92% dos dinamarqueses é membro de algum tipo de grupo (esportivo, culturais, igrejas, etc).

Assim, conclui-se novamente que para evitar a solidão, devemos buscar uma vida social ativa, manter amizades e desfrutar relacionamentos estáveis.

8. Estabeleça metas e objetivos
Muitos estudos mostram que pessoas que têm metas e objetivos de curto e longo prazo são mais felizes.

Progredir em direção aos seus objetivos, cria uma estrutura que dá um significado às atividades diárias, melhora os laços de relacionamento e dá um norte durante fases ruins.

9. O otimismo pode salvar sua vida
Este estudo também me surpreendeu. Ele mostra que pessoas otimistas têm mais resistência às doenças e revezes da vida.

Em um grupo de 16 homens (todos otimistas em relação à vida) que sofreram um segundo ataque cardíaco, cinco faleceram. Noutro grupo similar, porém composto por 16 homens pessimistas, quinze deles não sobreviveram ao incidente. Quão otimista você se considera?

10. Antecipar a felicidade na verdade vai multiplica-la por dois.
Esta estratégia é a mais sensacional. E fácil de colocar em prática.

Pesquisadores descobriram que pessoas que postergam eventos prazerosos são mais felizes.

Deixe-me ilustrar com um exemplo. Ao fazer a reserva para um jantar romântico no melhor restaurante da cidade, opte por fazer na semana que vem ao invés de fazer para hoje à noite.

Isso dará a você uma semana inteira de prazer antecipado, pois você ficará pensando no jantar, na companhia, na qualidade da comida, na ocasião… Percebe? O dobro de prazer pelo preço de um!

imagens cortesia de freedigitalphotos.net

FIQUE ATUALIZADO !
Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Deixe um comentário